Studio Made in PB Entrevista – Dannilo Sant’anna

Januncio Neto

Januncio Neto

Se você é fã de qualquer série de TV, filmes, livros ou animação já deve em algum momento ter feito a pergunta “E se?“.

Se seu personagem favorito fosse o protagonista, se ele não tivesse morrido de forma trágica, se tivesse um caso com aquela garota fantástica ou simplesmente se tivesse a chance de mostrar seu potencial no campo de batalha.

A este universo de possibilidades infinitas pertencem as FanFics e os Spin Offs, mecanismos que os fãs desenvolveram para dar vazão a sua imaginação (algumas vezes frustração) e as vezes eles conseguem produzir historias muito legais. Este é o exemplo do nosso primeiro entrevistado de 2015.

O baiano Dannilo Sant’anna (29) decidiu unir o seu talento artístico à sua paixão pela franquia Cavaleiros do Zodíaco (Saint Seiya) e exercitar suas ideias criando a série Gold Saint: Ares Chapter, que narra eventos ocorridos após a Saga de Hades, sobre uma nova Guerra Santa entre Atena e seus Cavaleiros contra o deus da Guerra.

Com a expectativa pela nova série Saint of Gold, o que você acha de se perguntar: “E se um brasileiro produzisse um mangá de Cavaleiros do Zodíaco?”  Venha descobrir conosco…

 

Blog Teaser - Dannilo Sant'anna

 

Januncio Neto – Gostaria de iniciar perguntando sobre de onde veio o desejo de produzir o Gold Saint: Ares Chapter?

Dannilo Sant’anna – Inicialmente eu queria ganhar experiência em trabalhos com paginas de quadrinhos, mas não sabia com o quê. Num determinado momento eu estava lendo os mangás de Lost Canvas e como que por empolgação eu pensei em desenvolver um enredo meu baseado no universo de Saint Seiya.

 

JN – Pelo que entendi, sua historia começa algum tempo após a Saga de Hades. Porque Ikki de Fênix aparece como o único sobrevivente dentre os Cavaleiros de Bronze e o que aconteceu com Seiya e os demais?

DS – Os outros Cavaleiros de Bronze na teoria estão mortos, apenas Ikki sobreviveu, eu não posso dar muitos detalhes sobre isso porque seria um tremendo spoiler, mas é bom pensar em Ikki como uma pessoa que seria capaz de liderar os novos guerreiros de Atena em uma nova Guerra Santa, ele tem uma missão especial, é como se ele fosse um grande mestre do santuário, mas portando sua armadura e não os trajes do papa!

 

JN – Pelas informações que você disponibiliza no Facebook sua historia esta bem dividida, mostrando eventos específicos e marcantes que antecedem a Guerra Santa entre Ares e Atena. Quais destes eventos você considera fundamentais para historia e você pretende conta-los com o tempo?

DS – O principal evento que ocorre antes de GOLD SAINT é chamado de Bloody Rain, trata-se de um embate de larga escala entre um dos exércitos de Ares e o outro comandado por Ikki! Neste exato dia houve uma feroz batalha entre os lados, mas infelizmente ela foi decidida por um golpe astuto, porém covarde de Ares, trata-se da chuva amaldiçoada chamada Azure, é uma maldição de Ares que recai sobre a humanidade, causando males, distúrbios, doenças e a morte. Ikki foi afetado por isso e sua vida foi tomada por um dos guerreiros de Ares, o mais poderoso, Alcmenes de Ethon.

 

JN – Porque você escolheu Ares como o adversário de Atena nesta historia?

DS – Porque além de ser o único não citado nas obras é o que mais me desperta curiosidade! Acho que Saint Seiya merecia uma abordagem sobre ele ao nível de como foi contra Hades, já que no Hipermito diz ser uma das mais terríveis guerras santas.

 

Dannilo Sant'anna - Gold Saint - Ares Chapter 02

Ares, o deus da Guerra derrama sua ira sobre a humanidade iniciando uma nova Guerra Santa

 

 

JN – Provavelmente seria mais fácil criar um Spin Off com os personagens clássicos aproveitando o saudosismo de muitos fãs, em vez disso você tomou uma decisão completamente oposta. Qual a reação dos fãs e qual a sua relação com eles?

DS – Muitas perguntas me foram enviadas sobre Seiya e os outros, tive de responder um quilo de mensagens sobre os de Bronze, entretanto eu sempre achava que a repetição da história dos Cavaleiros de Bronze tirava o brio e oportunidade das novas gerações de guerreiros. Atualmente as pessoas aceitam e se identificam melhor com os novos personagens, acabei criando um vínculo com elas.

 

JN – Os Cavaleiros de Ouro e os Berserkeres tem perfis muito bem definidos, qual o seu conhecimento de mitologia? Como foi desenvolver estes personagens e quanto tempo levou para chegar às versões finais de cada um?

DS – Isso foi um longo trabalho de oito meses, eu acho. Eu tive de correr atrás de alguns resumos pela internet, incluindo a Wikipédia em inglês, que tem uma credibilidade um pouco melhor do que a brasileira e é mais rica em informações. O desenvolvimento dos personagens foi muito complicado eles sofreram enormes mudanças nesse meio tempo, cores de cabelo, gênero sexual, cores no geral, enfim, foi um trabalho muito complicado e contei muito com a opinião dos fãs, inclusive a cor do cabelo do personagem principal, foi escolhida numa votação e acabou me levando a completar de forma mais estruturada o enredo, sendo ele filho de Ikki.

 

JN – Em um trabalho como este acredito que não deva existir apenas um personagem predileto, então quais são os personagens que você mais gosta dentre os criados para a Saga de Ares?

DS – Shoran de Libra é o meu favorito entre os Cavaleiros de Ouro, ele é um personagem muito vida boa e engraçado, é um fã incondicional do Shiryu e adorava ouvir histórias sobre ele. Já entre os Berserkers meu personagem favorito é o comandante do Exército do Fogo Vermelho, Alcmenes de Ethon, por ser um inimigo sério e poderoso, também por ter sido o único guerreiro a vencer Ikki em todas as obras kkk

 

JN – Você tem um estilo muito bonito e de muita qualidade, como foi o inicio de sua carreira como desenhista, qual a sua formação artística e quais são os artistas lhe inspiram?

DS – Eu fiz curso de Design na UNIJORGE durante 4 semestres, mas não me encontrei nesse ramo e então comecei como professor de desenho, depois transitei entre trabalhos específicos para clientes de fora do país, trabalhei com hentai e essa foi a época mais difícil, pois era bizarro explicar pros outros com o que eu trabalhava kkkk. Depois passei por duas empresas de jogos pra computador, jogos de browser, mas não deu certo também, atualmente eu trabalho no deviantART e no Facebook fazendo serviços para clientes, sem especificidades, desenhando personagens deles e desenvolvendo-os as vezes.  Os artistas que me inspiram são Tetsuya Nomura de Final Fantasy, Shiori Teshirogi de Lost Canvas e Daisuke Moriyama de Chrno Crusade.

 

JN – Não poderia deixar de fazer esta pergunta. O que você considera o melhor e o pior na franquia Saint Seiya?

DS – O melhor de Saint Seiya no geral é a emoção, o trabalho com esse sentimento tanto do mestre Masami Kurumada como da Shiori são intensos, o que mais me faz acompanhar as obras de Saint Seiya é a emoção que ele passa, seja empolgante, seja triste, seja profundo como os personagens de Lost Canvas, o que me faz gostar desse universo é o universo dentro de cada personagem. O ponto negativo que eu vejo em Saint Seiya é possivelmente a ausência de romances e relações conjugais, acredito que num universo tão vasto como esse algum personagem deveria se entregar a uma paixão específica, isso seria mais humano e mais natural.

 

Dannilo Sant'anna - Gold Saint - Ares Chapter 03

Os novos Cavaleiros de Ouro e suas respectivas nacionalidades

 

 

JN – Qual a sua expectativa para Saint Seiya: Soul of Gold?

DS – Apesar de não ter me animado muito com a qualidade de animação do trailer eu realmente estou muito ansioso pra ver o que vai ser dessa obra, eu espero que consiga animar novamente os velhos fãs da franquia e que tragam novos fãs também, coisa que tem sido muito difícil para Toei.

 

JN – Como a Saga de Ares chegará aos fãs? O que você pretende fazer para viabilizar seu projeto as pessoas que querem ter a oportunidade de prestigia-lo?

DS – A princípio eu pretendo disponibilizar para download o Capítulo 1, ele deve estar pronto no fim de fevereiro e deverá conter entre 30 – 40 páginas e será disponibilizado no perfil de Gold Saint no Facebook. Para o Capítulo 2 em diante eu pretendo abrir um banco de doações, pois Gold Saint é um trabalho a parte ao meu atual trabalho e toma muito tempo, então quero que as pessoas decidam se vale a pena contribuir com meu trabalho, caso sim então continuarei.

 

JN – Qual foi à pergunta mais inusitada que já fizeram em relação à Saga de Ares?

DS – Quando alguém me perguntou o porquê de Atena ser loira e ela ter reencarnado em tão pouco tempo desde que Saori foi a ultima há 30 anos atrás na cronologia. E então eu disse que era hora dela mudar o seu receptáculo, ou a terra seria devastada 100% por Ares kkk.

 

JN – Como autor qual é o seu maior objetivo e quais seus próximos projetos? Teremos novas aventuras no universo dos Cavaleiros do Zodíaco ou você tem outras historias para contar?

DS – Tenho novas histórias pra contar, de fato, muitas! Tenho em mente seguir um projeto que é minha paixão pessoal, quero dar cara a minha história sobre anjos-demônios e apocalipse, um universo que mistura a cultura cristã, hebraica e exotérica. Eu levo Gold Saint como um enorme aprendizado e um desejo que sempre tive como fã de Saint Seiya, mas eu quero voar com minhas asas, minha imaginação e criações!

 

JN – Gostaria de agradecer pela atenção e oportunidade e lhe desejar toda a sorte com este projeto. Assim como outras fãs eu também estou ansioso para conferir a Saga de Ares!

DS – Quem agradece a oportunidade sou eu, fico feliz com esse reconhecimento e estou ansioso pela repercussão do trabalho, tenho recebido muito apoio desde então e quero ver o quão longe eu posso ir com essa obra, se Deus quiser espero que muito longe e que esteja tudo bem!

 

Dannilo Sant'anna - Gold Saint - Ares Chapter 04

Uma das páginas do Capítulo 01 de Gold Saint: Ares Chapter, mostrando a nova Atena.

 

 

Agradecimentos especiais a Allan Nicol do site Taizen Saint Seiya, pela revisão da entrevista. Breve teremos um artigo especial com todos os personagens de Gold Saint: Ares Chapter. Até breve pessoal!!!